Wim Wenders: De Volta ao Quarto 666



O cineasta alemão Wim Wenders, reconhecido internacionalmente por obras como “As Asas do Desejo (1987)”, “Paris, Texas (1984)” e “Pina (2011)”, é o personagem principal do curta de Gustavo Polidoro. Nele, o diretor, assim como em seu filme “Quarto 666”, retoma a reflexão sobre os rumos do cinema, mas desta vez, à frente das câmeras. Em 1982 Wenders convidou diretores como Antonioni, Godard, Herzog e Spielberg a discorrerem sobre os rumos do cinema. No curta, Gustavo Spolidoro se utiliza das imagens do filme original de Wenders para fazer um diálogo com o cineasta. Wenders discorre sobre a atualidade das antigas questões, o lugar do cinema no mundo digital, entre muitas outras coisas.

Compartilhe sua opinião