Trapalhadas sem fim


Documentário sobre Trapalhões promete revelar fatos obscuros sobre Renato Aragão, vulgo Dr.Renato

Certa vez estava andando pelos corredores do antigo Teatro Fênix nos meus tempos de Rede Globo (sim, trabalhei lá um certo tempo) e acabei esbarrando com o Renato Aragão. Na hora fingi que não tinha visto, e segui para pegar um café. Enquanto aguardava a Dona Sueli repor o café nas cafeteiras, escutei um grito de uma criança ao longe:

“Olha, pai! É o Didi!”

Já sabendo da fama do líder dos Trapalhões em relação ao tratamento de seus fãs, dei um riso de canto de boca, me escorei em uma pilastra e me preparei para o que estava por vir… Enquanto me aconchegava para ter a melhor visão do espetáculo, fui surpreendido por outro berro, mas agora do pai:

“Ôôô… Didiiii!!! Ô, Didiiiii!!!”

Os dois correram de encontro ao Renato, até que o show começou:

– Grande Didi Mocó Sorrizal Colesterol Dipromata, mas cuma? Oooos Pi-ra-ta!!! Aparicio… Ô Aparicio! hahahaha ele é muito engraçado, né filhão!?

– É pai, muito!

Nesse momento Didi fez uma cara de dar dó e lançou:

“Pois, não?”

Na hora meu café quase saiu pelas narinas, mas alguma coisa me dizia que ainda não era o momento, respirei fundo e continuei a observar, foi então que o garoto se aproximou e ainda em choque disse:

– Papai, não acredito, não pode ser verdade! É o Didiiiii!

– Sim, filho!!! Aí, Didi, dá uma cambalhota aí para o meu filho dar umas boas gargalhadas, vai!

Nessa hora coloquei o café na boca e esperei… não demorou muito. Renato olhou para os dois com cara de poucos amigos e disse:

“Didi não, para vocês, Dr.Renato.”

O Pai olhou para o filho e o filho começou a chorar…

Didi seguiu para o… pardon! Didi não, Dr.Renato, continuou seguindo para o estúdio A com o nariz empinado e eu cuspi o café pelas narinas.

 

Renato com nariz de Aragão.

Fiz questão de relembrar essa história, que até hoje as pessoas contam de forma equivocada. Inventaram que ele disse isso para o motorista e blá, blá, blá… Mas a verdadeira história é essa que eu contei, o resto é fake news. Renato Aragão sempre foi um cara escroto. E se você não quiser acreditar em mim, tudo bem, poderá comprovar em breve (ou não) no documentário “Trapalhadas sem fim” dirigido por Rafael Spaca.

Confira o trailer abaixo, se bem que esse trailer está mais para um curta… quase 7 minutos, eu hein, nunca vi!

Apesar do Spaca não ter coletado meu depoimento, quis contribuir de forma voluntária para a divulgação do documentário, após ver algumas notícias de tentativas de censura por parte do Dr.Renato. Sou contra qualquer tipo de censura, principalmente de pessoas que se acham poderosas.

 

É… parece que a Xuxa acatou os pedidos do doutor.

 

Tenho que assumir que já fui fã do Didi, mas desde o episódio do Dr.Renato passei a ficar com o pé atrás com ele. De lá para cá, presenciei várias bolas fora dele. Espero que esse documentário faça jus ao nome e revele as Trapalhadas sem fim do “Doutor”, que com certeza são mais reais do que esse migué que ele mandou no programa do Jô há um tempo atrás, uma fantástica história sobre a inspiração do nome do Rapper P.Diddy. Alto lá, cara-pálida! Sou velho, mas não sou idiota, ok? (tudo bem que não fazia idéia de quem era esse malandro, mas meu neto me contou).

 

Bom, acredito que venha coisa boa por aí. Recomento a todos os meus leitores esse documentário, mesmo sem ter assistido. Na verdade tenho esperança de que alguma alma gentil vá colocar o link para download aqui nos comentários para o meu neto baixar, isso se o Didi não atrapalhar o lançamento do filme, né?

att,
Larry.

 

Leia também:

Resistência e persistência

Siga o TREVOUS nas redes sociais: InstagramTwitter e Facebook.

 

Compartilhe sua opinião