Jackie Chan

Três vezes Jackie Chan


Dicas de filmes com Jackie Chan em Hong Kong

Sempre gostei do Jackie Chan. Lembro de quando eu, ainda criança, assistia aos seus filmes. As coreografias de luta mirabolantes somadas ao seu carisma eram, para mim, a receita do sucesso. Depois que vi o desenho “As Aventuras de Jackie Chan”, então. Me tornei um grande admirador do ator, artista marcial, diretor, produtor e roteirista honconguês. Logo, empreendi uma busca incessante por outros de seus filmes. Com os dois primeiros “Police Story” — convenhamos, são os que valem —, notei que Jackie Chan era muito mais do que um rostinho bonito e simpático. Mas por que todo esse blá blá blá sem fim? Simples, gostaria de indicar alguns de seus filmes menos conhecidos, mas que me diverti muito assistindo.

O Jovem Tigre (1973)

Jackie Chan em início de carreira.
Jackie Chan em início de carreira.

Depois de terminar esta obra de arte do cinema honconguês, não soube como defini-la. Vamos dizer que se trata de um filme conscientemente — assim espero — trash. Nele, Jackie em início de carreira é apenas um coadjuvante, sendo a estrela do longa o ator Charlie Chin. “O Jovem Tigre” é uma boa opção para aqueles dias em que você se encontra desmotivado, porque se o Jackie Chan chegou onde está depois desse filme, você também pode. O longa está disponível, até o momento, na Netflix.

Perdedores e Vencedores (1983)

John Shum Kin-Fun, Richard Ng, Sammo Hung, Charlie Chin e Stanley Fung.
John Shum Kin-Fun, Richard Ng, Sammo Hung, Charlie Chin e Stanley Fung.

Outro filme do Jackie Chan que não é do Jackie Chan é “Perdedores e Vencedores”. Apesar de dele ter um papel de maior destaque como um policial rebelde, que sempre traz muitos prejuízos para os contribuintes — a cena em que ele causa um engavetamento de carros é incrível — as verdadeiras estrelas do filme são esses camaradas aí em cima — a propósito, além de atuar no longa, Sammo Hung também o dirigiu e o co-roterizou. O longa é uma comédia bem engraçada, sendo a trama apenas uma desculpa esfarrapada para um apanhado de gags cômicas e lutas bizarras. “Perdedores e Vencedores” está atualmente no catálogo do Prime Video da Amazon.

Dragões Para Sempre (1988)

Sammo Hung, Yuen Biao e Jackie Chan.
Sammo Hung, Yuen Biao e Jackie Chan.

Novamente temos a dupla Jackie Chan e Sammo Hung, que juntos a Yuen Biao formam um super grupo das artes marciais. Em “Dragões para Sempre”, Sammo Hung, com a colaboração de Corey Yuen, novamente exerce a função de diretor. Mas não posso deixar de dizer também que esse é o primeiro filme da lista em que Jackie Chan é de fato um protagonista. Ele interpreta um advogado malandro e mulherengo, que não teme em usar meios duvidosos para conseguir vencer nos tribunais; mas acaba escolhendo fazer a coisa certa por amor. O filme vai na mesma linha que os anteriores, mesclando o humor e cenas de ação. No entanto, esse é, sem dúvidas, o mais “bem organizado” narrativamente dos três. O longa também está disponível no streaming da Amazon.

Jackie Chan te lembrando que ele não fez só comédias.
Jackie Chan te lembrando que ele não fez só comédias.

Então, é isso. Esse texto despretensioso não tem outro objetivo do que indicar alguns filmes de um de meus action heroes favoritos da infância. Que ao contrário de outros como Stallone, Schwarzenegger ou Van Damme, consegue demostrar uma incrível versatilidade em sua carreira. Além é claro de ser um verdadeiro Mr. Nice Guy.

Compartilhe sua opinião